Conflitos no Oriente Médio

Friday, August 18, 2006

Historia da guerra atual entre Israel e Libano

O conflito entre Israel e Libano é um confronto no norte de Israel e sul do Líbano envolvendo o braço armado do Hizbollah e as Forças de Defesa de Israel (FDI). Entre civis, militares oficiais e guerrilheiros, já foram confirmadas mais de mil mortes.O conflito teve início no dia 12 de julho de 2006, às 9h. 5 min. (hora local), com lançamentos de foguetes Katyusha pelo Hezbollah sobre posições militares e vilas israelenses. Os foguetes acertaram as cidades de Shlomi e entrepostos na região das Fazendas de Sheeba, nas Colinas de Golã.
A resposta defensiva israelense veio no dia seguinte com vistas a desabastecer o grupo terrorista. O principal aeroporto, uma base aérea, um pequeno aeroporto militar e uma estação de força do Líbano foram bombardeados. A razão dos bombardeios, segundo Israel, foi impedir a chegada de arsenal bélico da Síria e do Irã, apontados como principais fomentadores do Hizbollah. Em resposta, a milícia islâmica lançou mísseis contra Nahariya e Safed, causando a morte de três civis.
No dia 14 foram anunciados indícios da participação passiva do Irã no conflito: dois mísseis C-802 iranianos foram atirados pelo Hizbollah, atingindo uma embarcação israelense e matando quatro oficiais. O presidente iraniano, Mahmoud Ahmadinejad, ameaçou Israel, caso este atacasse a Síria.Até o momento calcula-se a morte de 600 [4] libaneses, na sua grande maioria civis, e está sendo criticada por vários países. Os mísseis do Hizbollah mataram 18 civis e 33 soldados israelenses[4].
Os ataques têm sido perpetrados contra os redutos das milícias do Hizbollah instaladas em zonas predominantemente povoadas por civis (maioria xiita) no sul do Líbano. Este é um motivo pelo qual civis são atingidos, embora Israel comunique por meio de panfletos os locais e a hora dos ataques.
Bombardeios sao realizados em sincronias por baterias terrestres e navais. Segundo o exército israelense, os ataques visam o desmantelamento da ala armada do Hizbollah, que controla o sul do Líbano - à revelia do direito internacional e do próprio estado Libanês — constituindo assim uma forte ameaça à segurança ao norte de Israel e figurando como um Estado dentro do Estado libanês.
3- razoes
As disputas territoriais entre Israel e Líbano tiveram inicio muitas dezenas de anos atrás prolongando-se ate os dias de hoje. Porem a guerra que ambos paises enfrentam atualmente foi começada apos o assassinato de oito soldados israelenses e seqüestro de outros dois por parte doHezbollah, organização política e militar dos muçulmanos xiitas do Líbano,criada em 1982 no contexto da invasão de Israel ao sul do Líbano. Israel julgou essa ação como ato de guerra e em respostas reagiu de forma desproporcional bombardeando o pais vizinho, fato que marcou o inicio da guerra.

0 Comments:

Post a Comment

<< Home